A AVALIAÇÃO BANCÁRIA É OBRIGATÓRIA?

  • 2 meses atrás
  • 0
avaliação bancária é obrigatória

Será que a avaliação bancária é obrigatória quando estás no processo de compra de casa, com recurso ao crédito bancário?

Sim, é mesmo obrigatória. Por muito reduzido que seja o montante a pedir ao banco para financiar o imóvel que estás a pensar comprar, o mesmo vai exigir uma avaliação bancária.

Podemos dizer que a avaliação do imóvel é, de facto, um procedimento inerente à obtenção de um crédito habitação.

É a própria instituição bancária que requer a avaliação da propriedade com o objetivo de determinar qual o valor real do imóvel a financiar e, assim, definir qual o montante máximo que poderá conceder de crédito.

Regra geral, os bancos não costumam fazer empréstimos que ultrapassem os 90% da avaliação ou da compra, sendo escolhido o menor de ambos, segundo as regras definidas pelo Banco de Portugal.

A exceção é se estiver em causa a compra de uma casa ao banco. Nesse caso, poderá ser concedido um empréstimo a 100%.

A avaliação bancária deve ser feita por um avaliador independente, com habilitações para tal, e que esteja inscrito na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Deves ter em conta que esta avaliação é, na maioria dos casos, paga pelo comprador e o seu valor difere de acordo com quem pediu a avaliação (instituição bancária ou cliente).

No primeiro caso, o preço é fixo e é considerada uma comissão bancária – atualmente, ronda os 230€; no segundo, o preço oscila entre os 200€ e os 350€.

A avaliação é feita a partir da observação de vários fatores cruciais:

  • A localização da casa, a vista, a orientação solar e as acessibilidades;
  • A qualidade e a data da construção da propriedade;
  • O estado de conservação, caso seja um imóvel usado;
  • O terreno em que se insere a propriedade;
  • A sua tipologia, área e disposição;
  • Os acabamentos e equipamentos disponíveis;
  • As facilidades, como estacionamento, elevador, espaços verdes, etc.;
  • O estado do mercado, ou seja, a procura e a oferta atual.

Prazo de validade da avaliação

A avaliação bancária tem um prazo de validade de 6 meses a partir da data de emissão da mesma.

Isto significa que o processo de venda da habitação tem de estar concluído até 6 meses depois de realizada a avaliação, para evitar que tenhas de pagar uma nova.

E se não concordares com a avaliação?

Posteriormente, ser-te-á enviada uma cópia da avaliação e, caso não concordes com a mesma, poderás apresentar uma reclamação por escrito ao banco e requerer uma segunda avaliação.

Esta queixa deverá ser devidamente fundamentada, claro está.

*******

Entretanto, se queres vender a tua casa, estás à procura de uma casa nova ou tens alguma questão relacionada com o imobiliário, podemos ajudar-te. Contacta-nos hoje mesmo!

Félix Consultores
www.felixconsultores.pt

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email

Compare listings

Comparar